O Papa expressou sua proximidade com aqueles que estão sofrendo os efeitos da pandemia de coronavírus

Em cada celebração de Missa na Casa Santa Marta, o Papa Francisco tem colocado uma intenção em especial, principalmente nesta época de coronavírus. Já foi pedido pelos idosos, grávidas, moradores de rua, líderes e mais uma diversidade de pessoas. Hoje, 23 de abril, O Santo Padre voltou seu olhar para as famílias que estão sentindo os efeitos provocados pela pandemia.

DIRETÓRIO CATEQUESE DESK

Na ocasião, Francisco também criticou as pessoas que agem de má fé, perante a necessidade do próximo. O Pontífice lembrou que existem muitos agiotas por ai, que se colocam como solução para as famílias que estão passando fome, mas que assim criam uma divida eterna.

Leia mais:
Na pandemia, religiosos da Espanha doam parte do salário a quem mais precisa

Em muitos lugares se sente um dos efeitos desta pandemia: muitas famílias em situação de necessidade, passam fome, e, infelizmente, são ajudadas pelos agiotas. Esta é outra pandemia. A pandemia social: famílias de diaristas ou, infelizmente, de pessoas que têm um trabalho irregular que não podem trabalhar e não têm o que comer… com filhos. E depois os agiotas tomam deles o pouco que têm. Rezemos. Rezemos por estas famílias, pelas muitas crianças destas famílias, pela dignidade destas famílias e rezemos também pelos agiotas: que o Senhor toque o coração deles e se convertam- pediu o Papa

Fonte: Vatican News

Tags:

©[2021] Portal Paróquias - Todos os direitos reservados a Promocat Promotora Católica

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account