Papa Francisco realiza mudança no Episcopado em 3 cidades do Pará

Confira as 3 mudanças no episcopado

A manhã desta quarta-feira (6) foi marcada por diversas mudanças no episcopado brasileiro. 3 cidades do Pará, entre elas: Santarém, Xingu-Altamira e Alto Xingu-Tucumã foram presenteadas com novos bispos.

A cidade de Santarém, foi elevada de diocese paraense a sede Metropolitana. Com esse ato, foi nomeado como primeiro arcebispo da arquidiocese de Santará (PA) dom Irineu Roman, até então bispo titular de “Sertei” e auxiliar da arquidiocese de Belém do Pará (PA).

A nova Província Eclesiástica terá como sufragâneas a diocese de Óbidos (PA), a prelazia de Itaituba (PA), a nova diocese do Xingu-Altamira (PA) e a nova prelazia de Alto Xingu-Tucumã (PA), criadas neste mesmo dia.

Santarém será, a partir de agora, a segunda arquidiocese no regional Norte 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Leia mais:
Dom Edson Oriolo é o novo bispo da diocese de Leopoldina (MG)

Conheça Dom Irineu Roman

O prelado é natural de Vista Alegre do Prata (RS). Nasceu no dia 10 de agosto de 1958. Religioso da Congregação de São José – Josefinos de Murialdo, foi ordenado presbítero em 1º de janeiro de 1990 e bispo em 19 de março de 2014.

Dom Irineu é atualmente bispo referencial da Pastoral do Turismo e secretário do regional Norte 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Foto: Divulgação CNBB

Diocese de Xingu-Altamira (PA)

O Santo Padre extinguiu, nesta quarta-feira, 6 de novembro, a prelazia do Xingu, no Pará, e erigiu a diocese de Xingu-Altamira (PA). Para tomar frente dos trabalhos, foi nomeado como bispo dom João Muniz Alves, religioso que até então exerceu a função de bispo nesta mesma circunscrição eclesiástica. A diocese de Xingu-Altamira passa a integrar a província eclesiástica de Santarém (PA), criada neste mesmo dia.

Conheça João Muniz Alves

Dom João Muniz Alves nasceu na localidade de Carema, no município de Santa Rita, no Maranhão, em 8 de janeiro de 1961. Emitiu seus primeiros votos na Ordem dos Frades Menores em 1986 e os votos solenes em 1991. Foi ordenado 4 de setembro de 1993.

Depois de estudar filosofia e teologia no Instituto Católico de Estudos Superiores do Piauí, em Teresina, obteve o Mestrado em Filosofia e Mestrado e doutorado em Teologia Moral em Roma, pela Pontifícia Universidade Lateranense, em 2007.

Em 2014 foi visitador geral da Província franciscana de Moçambique. Foi guardião da Paróquia Nossa Senhora da Glória de São Luís do Maranhão, vigário paroquial, formador e professor de teologia moral. Em 23 de dezembro de 2015, o Papa Francisco, acolheu a renúncia de Dom Erwin Kräutler da Prelazia do Xingu e o nomeou como bispo prelado. Seu lema episcopal é: Louvado sejas, meu Senhor.

Leia mais:
Dom Walmor se encontra com o vice-presidente Mourão durante o Sínodo

Foto: Divulgação CNBB

Diocese de Alto Xingu-Tucumã

O comunicado feito por Papa Francisco nesta quarta-feira, anunciou a criação da prelazia de Alto Xingu-Tucumã. O bispo nomeado foi o padre Jesús María López Mauoléon. O presbítero atua na paróquia de São Pedro, em Barra do Ceará e vigário episcopal da Região Metropolitana “Nossa Senhora da Assunção”, na arquidiocese de Fortaleza.

Conheça Jesús María López Mauoléon

Jesús María López Mauleón, nasceu em Mues, Navarra, Espanha, no dia 05 de março de 1955. Ingressou no Seminário menor São José de Lodosa em 1967 onde permaneceu por até 1971 quando foi fazer a experiência no seminário São Nicolau de Tolentino de Fuenterrabia, de setembro de 1971 até junho de 1975.

Ele fez o noviciado no Convento de Monteagudo, Navarra de setembro de 1975 a agosto de 1976, fazendo a primeira profissão no dia 22 de agosto de 1976. De setembro de 1976 até julho de 1981 permaneceu no Seminário Maior de Marcilla, Navarra, estudando teologia, onde fez profissão solene em 18 de outubro de 1980. Ordenou-se diácono no dia 4 de novembro de 1980 e presbítero aos 18 de julho de 1981 pela Ordem dos Agostinianos Recoletos (OAR).

Exerceu o Ministério Pastoral na Espanha durante 18 anos como vigário paroquial e professor em Chiclana, de 1981 a 1986; e em Madri de 1986 a 1991, onde completou seus estudos. Como pároco em Zaragoza, de 1991 a 1994 e em Almeria, de 1994 a 1997; sendo professor do Instituto de 1997-1999, em Lodosa.

No dia 14 de agosto de 1999 veio para o Brasil, fazendo um curso intensivo de inculturação e português em Brasília, sendo destinado para a nova fundação da província São Nicolau de Tolentino na paróquia Nossa Senhora dos Prazeres, da diocese de Tianguá, Ceará, com dom Francisco Xavier Hernández.

Tomou posse como responsável da área pastoral da Barra do Ceará, em 23 de outubro 2011. Em 9 de junho de 2012 foi erigida a paróquia São Pedro sendo nomeado primeiro pároco, até novembro de 2019.

Foto: Divulgação CNBB

Com informações de CNBB

©[2019] Portal Paróquias - Todos os direitos reservados a Promocat Promotora Católica

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account