EUA: Bispos condenam ataque no Capitólio e pedem orações

Conferência Episcopal dos EUA condenou a violência no Capitólio, que deixou quatro mortos e muitos feridos

“Uno-me às pessoas de boa vontade na condenação da violência de hoje no Capitólio dos Estados Unidos”, disse o presidente da Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos (USCCB) em um comunicado, após a violência no ataque ao Capitólio dos Estados Unidos nesta quarta-feira, 6, em que quatro pessoas morreram.

 

OVES-PASTORAIS

 

“Não somos assim como americanos. Estou orando pelos membros do Congresso e da equipe do Capitólio, pela polícia e por todos aqueles que trabalham para restaurar a ordem e a segurança pública”, continuou ele.

A declaração do arcebispo José Gomez veio depois do caos que se seguiu após centenas de apoiadores do presidente Donald Trump invadirem o prédio do Capitólio dos EUA ontem, em uma tentativa de reverter sua derrota nas eleições. Os manifestantes lutaram contra a polícia nos corredores e atrasaram por horas a certificação da vitória do presidente eleito democrata Joe Biden.

A polícia disse que quatro pessoas morreram durante o caos – uma de ferimentos à bala e três de emergências médicas – e 52 pessoas foram presas.

Apelo para se unir como uma nação sob Deus

O Arcebispo Gomez continuou observando que a transição pacífica de poder é uma das marcas do país. “Neste momento preocupante, devemos nos comprometer novamente com os valores e princípios de nossa democracia e nos unir como uma nação sob Deus.”

O cardeal Wilton Gregory, arcebispo de Washington, também emitiu uma declaração após os protestos, na qual descreveu o Capitólio dos Estados Unidos como “um solo sagrado e um lugar onde as pessoas nos últimos séculos se manifestaram corretamente, representando uma ampla variedade de opiniões”.

“Nós, americanos, devemos honrar o lugar onde as leis e políticas de nossa nação são debatidas e decididas”, continuou ele. “Devemos nos sentir violados quando o legado de liberdade consagrado naquele prédio é desrespeitado e profanado”.
O cardeal disse que está orando pela segurança de “autoridades eleitas, funcionários, trabalhadores, manifestantes, policiais e vizinhos do Capitólio dos Estados Unidos”.

Leia mais:
Simpósio de Formação Ecumênica 2021 reunirá 300 pessoas de forma virtual

Orações pela paz

O religioso pediu a todos os homens e mulheres de boa vontade que parassem e orassem pela paz neste momento crítico e exortou os cidadãos a mudar o tom divisor que recentemente dominou as conversas políticas.

“Aqueles que recorrem à retórica inflamada devem aceitar alguma responsabilidade por incitar o aumento da violência em nossa nação”, disse ele, lembrando aos crentes que eles são chamados a “reconhecer a dignidade humana daqueles com quem discordamos e procurar trabalhar com eles para garantir o bem comum para todos.”

O cardeal Blase Cupich, de Chicago, também exortou os católicos e todos os homens e mulheres de boa vontade a rezar pela paz “neste momento estimulante da história dos Estados Unidos, uma história que foi marcada por uma das maiores virtudes da democracia: a transição pacífica e ordenada do poder.”

 

OVES-CATEQUESE

 

Uma época de desgraça nacional

Em uma série de tweets, o Cardeal Cupich disse: “O que está acontecendo no Capitólio hoje deve chocar a consciência de qualquer patriota americano e de qualquer católico fiel”.

“Os olhos do mundo olham com horror enquanto sofremos esta desgraça nacional”, ele tuitou.

Ele observou que por muitos meses os americanos testemunharam “a erosão deliberada das normas de nosso sistema de governo” e descreveram que o protesto pacífico é um direito sagrado, um componente essencial do progresso social ao longo da história humana.

O Cardeal Cupich continuou: “A violência é o seu oposto. A violência a serviço da falsidade é pior: por favor, junte-se a mim na oração pela mulher que foi baleada durante o tumulto, e que morreu, e pelos policiais que nos protegem contra o governo da multidão”.

Com informações de Canção Nova

©[2021] Portal Paróquias - Todos os direitos reservados a Promocat Promotora Católica

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account