O Papa ressaltou que os cristãos não devem pensar somente em seus interesses individuais

Durante a celebração da festa da Divina Misericórdia, um dos temas abordados pelo Papa Francisco em sua homilia, foi o olhar para o próximo além de seus próprios interesses. O Santo Padre ressaltou que distribuir bens não é ideologia, mas sim reflexo de um comportamento cristão usando como exemplo as comunidades primitivas:

“Possuíam tudo em comum. Vendiam terras e outros bens e distribuíam o dinheiro por todos, de acordo com as necessidades de cada um” (At 2, 44-45)” Isto não é ideologia”, recordou Francisco. “É cristianismo.”

DIRETÓRIO CATEQUESE DESK

Leia mais:
CNBB divulga orientações para que as comunidades catequéticas se mantenham unidas

De acordo com o Pontífice, ajudar os que necessitam também é uma boa maneira de colocar em prática a misericórdia, principalmente em épocas de medo e sofrimento em que o mundo tem vivido a pandemia de COVID-19:

“Não pensemos só nos nossos interesses. Aproveitemos esta prova como uma oportunidade para preparar o amanhã de todos. Sem descartar ninguém: de todos. Porque, sem uma visão de conjunto, não haverá futuro para ninguém”

Fonte: Vatican News

 

Tags:

©[2021] Portal Paróquias - Todos os direitos reservados a Promocat Promotora Católica

ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account