As atividades pastorais com a presença da família

Família inserida nas Atividades Pastorais

Em meio a esta sociedade extremamente individualista, nossa participação ativa e frutuosa na Igreja tem sido um verdadeiro testemunho, exigente, mas de grande valia. São mais de 20 anos de atividades pastorais, juntos fomos coordenadores de jovens, liturgia, catequese e conselheiros ativos. Com o sacramento do matrimônio, nossa vocação foi renovada! Hoje temos dois filhos e permanecemos atuantes em nossa comunidade e favorecendo lideranças com nossa experiência.

De modo especial, queremos neste artigo, falando especialmente aos casais envolvidos com as pastorais, trazer algumas dicas que poderão ser bastante úteis.

O dia do Senhor

Tenha em mente que o dia do Senhor é sagrado, dedicado a Igreja e a Família, mas que isso não seja só verbalmente; que seja por convicção, a fim de evitar pensamentos de insatisfação.

Leia também:
Uma solução canônico-pastoral para pessoas com casamento no civil

Diálogo e compromissos

Dialogue com seu cônjuge e, quando necessário, com sua família sobre as atividades que irá assumir na comunidade. Não vá ser um ministro da palavra ou catequista se isto não está bem acertado com as pessoas que vivem contigo. Não é só pedir permissão, mas é dialogar, expor o valor e intenção do compromisso.

Agenda

Planeje as atividades de forma que não atrapalhe a sua vida familiar e pessoal. O bom organizar com eles os momentos que estarão juntos. O cristão precisa se divertir, ir ao parque, à praia, visitar parentes e amigos. Se seu cônjuge participar de outras pastorais, procure assumir as reuniões sempre que possível nas mesmas datas. Não desmarque os compromissos agendados com a família por improvisos ou reuniões de última hora. Conhecemos filhos que quando atingiram a idade de decidir pela participação nas pastorais optaram por não participar com os pais, porque têm a ideia de que a Igreja atrapalhou o relacionamento familiar.

Missas

Vá a missa com sua família. Dê o exemplo para seus filhos. Procurem entrar num acordo sobre os horários. Sendo assim, se tem duas missas na sua paróquia procure ir juntos no mesmo horário.

Leia também:
Atualize o exercício pastoral em sua comunidade

Problemas Comunitários

Não discuta problemas da comunidade em casa. Na verdade, a maioria dos problemas das comunidades deveriam ser resolvidos nas reuniões de pastoral.

Cooperação

Motive seus familiares a participar da comunidade, independente de qual atividade façam parte. Portanto, valorize a atuação de cada um, mostrando que o valor não está na quantidade ou tipo de pastoral, mas na cooperação gratuita.

Oração

Ter intimidade com Deus é importante, pois não somos meros operários, precisamos de intimidade com aquele que servimos. Além disso, pela oração também pedimos por aqueles familiares que estão afastados da comunidade.

Rodney Rivers e Gilmara Gonçalves são palestrantes e escritores. Realizam palestras de comunicação, liderança e catequese pelo site www.palestrascatolicas.com.br

Texto escrito por Rodney e Gilmara e adaptado por Redação Promocat

©[2019] Portal Paróquias - Todos os direitos reservados a Promocat Marketing Integrado

CONTATO

Não há nenhum operador online, mas você pode nos enviar um e-mail e retornaremos o mais breve possível.

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account