Aplicação de ferramentas de Marketing para as paróquias

As ferramentas de marketing usadas a favor da paróquia

Qual o papel do marketing em uma paróquia? A pergunta ocorre porque a maioria identifica a atividade e as ferramentas de marketing apenas com a propaganda e/ou a divulgação sistemática de produtos e serviços. A resposta às indagações é o fato de o marketing fazer parte do “DNA” do relacionamento humano. Sua função essencial é detectar e atender às necessidades dos indivíduos, sejam aquelas não ou mal satisfeitas. Logo, se uma paróquia existe para promover e incentivar o relacionamento de uma comunidade. Contudo, é possível aplicarmos técnicas de marketing em suas múltiplas atividades. Sendo assim, ela torna-se mais eficaz em seus propósitos e objetivos.

A partir deste esclarecimento abrimos um leque de situações que podem ser analisadas, sob a ótica das ferramentas de marketing, nas paróquias, procurando, após uma pesquisa acurada, melhorá-las de maneira que os paroquianos sintam-se ainda mais satisfeitos com os serviços e atividades paroquiais.

Leia também:
O uso do endomarketing na pastoral do dízimo

Faça uma análise

Poderíamos analisar a comunicação do pároco e de sua equipe de liturgia com os fiéis nas celebrações costumeiras da paróquia:

Os horários das celebrações atendem as necessidades da maioria dos paroquianos que deseja participar das missas? Há uma opção de horários que os atenda satisfatoriamente? As celebrações litúrgicas, por sua vez, estão sendo eficazes na evangelização? Começo perguntando: os leitores têm interpretado as leituras da missa ou as lêem de qualquer maneira, inclusive deslizando no português? A homilia do pároco é dinâmica atraente e vai ao encontro do anseio dos fiéis ou é aquela mesmice mal preparada de sempre?

Tudo isso é pesquisado junto aos fiéis (e fora do grupo de assessores que cerca o pároco), de tempos em tempos? A música tem contribuído para valorizar a liturgia ou tem sido um martírio para os ouvidos dos participantes das celebrações? Como é feita, por exemplo, a seleção dos cantos: a partir de músicas conhecidas e fáceis de serem cantadas e acompanhadas pelos fiéis, ou é a montagem de uma performance de gosto duvidoso, desafinado e barulhento dentro da missa? A acomodação dos fiéis é confortável nos bancos da igreja? E o som dos microfones? É audível e agradável? A ventilação e a iluminação são suficientes para oferecer um relativo conforto aos participantes? Há banheiros limpos para uso dos fiéis?

Leia também:
Redefina a missão da paróquia para o marketing religioso

Olhando por outro ângulo

As pessoas diretamente envolvidas nas diversas pastorais, na comunidade onde vivem, atuam e trabalham (fora do ambiente da igreja), dão testemunhos de vida cristã? Os responsáveis pela pastoral do dízimo, por sua vez, são dizimistas fiéis e testemunham isso com entusiasmo? Há uma consciência em todas as pastorais de que é necessário e urgente evangelizarmos o tempo todo e que isso não significa apenas sacramentarmos as pessoas? A pastoral da Crisma sabe que sua missão não é apenas “preparar” o jovem para receber este Sacramento e sim, por meio dela, a engajá-lo na Igreja permanentemente, formando uma autêntica Pastoral da Juventude? Será que sabem ainda que, para isso, é preciso pesquisar junto aos jovens, suas necessidades e anseios quanto à religião e Deus?

 As mesmas perguntas podem ser aplicadas à Pastoral Familiar, responsável pela manutenção dos casais engajados na comunidade eclesial. Sabem que, para isso, não basta promover alguns festivos encontros anuais para casais? Será que sabem ainda que o Curso Preparatório ao Casamento (obrigatório em nossa Igreja) não é apenas um cursinho para liberar o casal para se casar, mas sim uma maneira estratégica de atrair estas futuras famílias a se engajarem permanentemente na comunidade?

Assim eu poderia enumerar uma quantidade infindável de questões envolvendo outras atividades paroquiais. Portanto, o marketing, suas técnicas e estratégias, bem aplicadas, poderiam ajudar no trabalho do pároco e no de suas equipes.

Leia também:
Internet na paróquia: sua Instituição aos olhos do mundo

Antonio Miguel Kater Filho é consultor de Marketing Católico e vice-presidente do Instituto Brasileiro de Marketing Católico – IBMC.

Texto escrito por Antonio Miguel e adaptado por Redação Promocat

©[2019] Portal Paróquias - Todos os direitos reservados a Promocat Marketing Integrado

CONTATO

Não há nenhum operador online, mas você pode nos enviar um e-mail e retornaremos o mais breve possível.

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account